ENEM 2013

Os produtos e seu consumo constituem a meta declarada do empreendimento tecnológico. Essa meta foi proposta pela primeira vez no início da Modernidade, como expectativa de que o homem poderia dominar a natureza. No entanto, essa expectativa, convertida em programa anunciado por pensadores como Descartes e Bacon e impulsionado pelo Iluminismo, não surgiu “de um prazer de poder”, “de um mero imperialismo humano”, mas da aspiração de libertar o homem e de enriquecer sua vida, física e culturalmente.

CUPANI, A. A tecnologia como problema filosófico: três enfoques. Scientiae Studia, São Paulo, v. 2, n. 4, 2004 (adaptado).


Autores da filosofia moderna, notadamente Descartes e Bacon, e o projeto iluminista concebem a ciência como uma forma de saber que almeja libertar o homem das intempéries da natureza. Nesse contexto, a investigação científica consiste em

A)

expor a essência da verdade e resolver definitivamente as disputas teóricas ainda existentes.

B)

oferecer a última palavra acerca das coisas que existem e ocupar o lugar que outrora foi da filosofia.

C)

ser a expressão da razão e servir de modelo para outras áreas do saber que almejam o progresso.

D)

explicitar as leis gerais que permitem interpretar a natureza e eliminar os discursos éticos e religiosos.

E)

explicar a dinâmica presente entre os fenômenos naturais e impor limites aos debates acadêmicos.

Descubra sua nota no Enem! Faça agora um simulado gratuito mega rápido.
FAZER SIMULADO arrow_forward
AIO
A AIO utiliza cookies para garantir uma melhor experiência de usuário
Saber mais
Aceitar