ENEM 2015

Caña

El negro

junto al cañaveral.

El yanqui sobre el cañaveral.

La tierra

bajo el cañaveral.

¡Sangre

que se nos va!

GUILLÉN, N. Sóngoro cosongo. Disponível em: www.cervantesvirtual.com. Acesso em: 28 fev. 2012 (adaptado).

 

Nesse poema de Nicolás Guillén, no qual o poeta reflete sobre o plantio de cana-de-açúcar na América Latina, as preposições junto, sobre e bajo são usadas para indicar metaforicamente

A)

 desordens na organização da lavoura de cana-de-açúcar.

B)

 relações diplomáticas entre os países produtores de cana-de-açúcar.

C)

 localidades da América Latina nas quais a cana-de-açúcar é cultivada.

D)

 relações sociais dos indivíduos que vivem do plantio da cana-de-açúcar.

E)

 funções particulares de cada profissional na lavoura da cana-de-açúcar.

Descubra sua nota no Enem! Faça agora um simulado gratuito mega rápido.
FAZER SIMULADO arrow_forward
AIO
A AIO utiliza cookies para garantir uma melhor experiência de usuário
Saber mais
Aceitar