ENEM 2018

A situação demográfica de Israel é muito particular. Desde 1967, a esquerda sionista afirma que Israel deveria se desfazer rapidamente da Cisjordânia e da Faixa de Gaza, argumentando a partir de uma lógica demográfica aparentemente inexorável. Devido à taxa de nascimento árabe ser muito mais elevada, a anexação dos territórios palestinos, formal ou informal, acarretaria dentro de uma ou duas gerações uma maioria árabe “entre o rio e o mar”. (DEMANT, P. Israel: a crise próxima. História, n. 2. jul.-dez. 2014.)

A preocupação apresentada no texto revela um aspecto da condução política desse Estado identificado ao(à)

A)
abdicação da interferência militar em conflito local.
B)
busca da preeminência étnica sobre o espaço nacional.
C)
admissão da participação proativa em blocos regionais.
D)
rompimento com os interesses geopolíticos das potências globais.
E)
compromisso com as resoluções emanadas dos organismos internacionais.
Descubra sua nota no Enem! Faça agora um simulado gratuito mega rápido.
FAZER SIMULADO arrow_forward
AIO
A AIO utiliza cookies para garantir uma melhor experiência de usuário
Saber mais
Aceitar